Todos/as às ruas por um Brasil com democracia e sem racismo

Todos/as às ruas por um Brasil com democracia e sem racismo

Todos/as às ruas por um Brasil com democracia e sem racismo

Todos/as às ruas por um Brasil com democracia e sem racismo

Frentes Nacionais Povo Sem Medo e Brasil Popular reforçam a convocação do Movimento Negro Brasileiro e a orientação à participação de toda a militância e organizações nas manifestações convocadas para o 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra.

A data marca a morte de um dos maiores lutadores contra a escravidão no Brasil, Zumbi dos Palmares e passou a ser celebrada pelo Movimento Negro a partir da década de 1970 como uma forma de valorização da comunidade negra e da sua contribuição na história do país. Hoje, a data é oficializada pela lei nº 12.519/2011 e celebra a resistência do povo negro contra a escravidão e a luta contra o racismo no Brasil, tendo Zumbi como um dos principais lutadores da história pela liberdade. Atualmente, a data é feriado municipal em mais de mil cidades e estadual em Alagoas, Amazonas, Amapá, Mato Grosso e Rio de Janeiro.

Todos os anos, o movimento negro brasileiro constrói um novembro negro de lutas, com mobilizações e diversos tipos de ação de luta e ocupa as ruas no 20 de novembro, #DiaNacionalDaConsciênciaNegra.

Por que com Racismo não há democracia?

O combate às desigualdades no Brasil perpassa prioritariamente pela luta em prol da erradicação do racismo. As mazelas sociais brasileiras estão intimamente ligadas a essa chaga social, fruto dos quase 400 anos de escravidão que vigeu no país e que tem suas heranças como pilar da estrutura da nossa sociedade nas mais variadas dimensões.

Saímos vitoriosos no dia 30 de outubro, após meses de plena mobilização nas ruas, nas redes, nos territórios periféricos, quilombos, nas escolas e nas universidades, nos centros urbanos, rurais e em cada lugar deste país. Luís Inácio Lula da Silva venceu as eleições presidenciais de 2022. Em seu discurso após o resultado democrático, a expressão direta da necessidade de extirpamos o racismo do Brasil foi uma vitória de todo movimento negro brasileiro.

Nossa disposição para ir às ruas em defesa da democracia e contra o racismo no dia 20 parte da compreensão do papel fundamental do movimento negro e popular na construção de uma sociedade verdadeirmanete democrática, livre do racismo, para que juntas e juntos, possamos construir uma demoracia real na vida do povo brasileiro, que teve sua vida precarizada nos últimos anos pelo governo federal.

Queremos comida no prato, trabalho e salário de qualidade, moradia, educação, saúde, respeito e valorização da nossa Cultura, religião e povo!

Lutar nas ruas e nas redes por um Brasil Com Democracia e Sem Racismo

1.O #DiaNacionalDaConsciênciaNegra é uma construção coletiva. Vai ter ato na sua cidade, estado ou país? Manda pra gente! Link do Form: https://forms.gle/BWEcAAUzWtxrvC1v5

2.Grave vídeos e peça para que as lideranças que fazem parte da sua organização gravem também convidando as pessoas para irem aos atos. Poste com a tag #DiaNacionalDaConsciênciaNegra

3.A luta contra o racismo tem o protagonismo das lideranças e organizações negras, mas é uma luta de toda militância antirracista, movimentos e partidos que defendem a democracia e a justiça social. Por isso é fundamental o posicionamento, o engajamento e a mobilização de todas as organizações e lideranças em suas redes e junto às suas bases convocando o dia 20 de novembro.

Por um Brasil com Democracia e Sem Racismo!

Todos às ruas no dia 20 de novembro. Dia Nacional da Consciência Negra!

Brasil, 10.11.22

Frente Brasil Popular

Frente Povo Sem Medo

Deixe um comentário