Dilema cavernícola

Por Valter Pomar. A eleição presidencial não está decidida. Lula está com a vantagem, mas isso ainda precisa ser confirmado nas urnas. E como a diferença será pequena, terá grande importância a movimentação das próximas horas. O que o cavernícola ainda pode fazer, para tentar ganhar? “Raspar o tacho” do eleitorado indeciso? Aumentar a produção de fake news? Sabotar o deslocamento de eleitores? Tumultuar as seções de votação? Colocar em dúvida o anúncio dos resultados? 

0 Comentários