PT disputa eleições suplementares em Paranhos (MS)

PT disputa eleições suplementares em Paranhos (MS)

PT disputa eleições suplementares em Paranhos (MS)

PT disputa eleições suplementares em Paranhos (MS)

Por Redação Página 13 (*)

Adélio Cirilo da Silva, candidato a prefeito de Paranhos pelo PT

Em Paranhos, no Mato Grosso do Sul,  a chapa vencedora para os cargos de prefeito e vice-prefeito nas eleições de 2020, encabeçada pelo MDB, teve seus votos anulados conforme decisão Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS), em razão das contas reprovadas pelo Tribunal de Contas do candidato a prefeito, quando o mesmo administrou a cidade. Uma nova eleição foi marcada para o dia 3 de outubro.

O Partido dos Trabalhadores, com muito esforço, articulou uma chapa, numa coligação com o PSOL, para disputar as eleições suplementares, com o companheiro Adélio Cirilo da Silva como candidato a prefeito e a companheira Daniela Liranço a vice-prefeita.

Paranhos fica aproximadamente há 6 horas de carro de Campo Grande e possui cerca de 14.000 habitantes, sendo uma cidade tradicionalmente rural e com um grande número de aldeias. Cerca de 50% dessa da população é de povos tradicionais e 15% da área rural sobrando na cidade os outros 35%.  Adélio Cirilo da Silva, inclusive, enquanto servidor público de carreira,  desenvolve trabalho visando o saneamento básico justamente em muitas das comunidades indígenas do município.

Mas a cidade carece de emprego formal, sendo que apenas 6% da população total tem emprego. O grande gerador desses empregos de maneira direta é a máquina pública (Prefeitura) e desde a emancipação da cidade as “famílias tradicionais”, que são produtores e empresários, utilizam esse poder de barganha em troco de apoio politico.

Os indígenas movimentam mensalmente mais de 1 milhão de reais com os benefícios do governo federal no comércio local e mesmo assim não são respeitados dentro da cidade.

O município possui 7.963 eleitores, entretanto cerca de 20% sempre se ausentam do pleito, isso acompanha a história eleitoral da cidade desde o início.

Para os dirigentes do Partido na cidade, é fundamental o apoio e a mobilização de lideranças petistas estaduais e nacionais, contribuindo assim para que se alcance uma vitória das forças democráticas e populares no município .

(*) redacao@pagina13.org.br

Deixe um comentário