Geraldo e chuchureja

Geraldo e chuchureja

Geraldo e chuchureja

Geraldo e chuchureja

Por Glória Cunha (*)

Depois de um encontro de vizinhos, onde fofoquei à respeito das cerejas e suas falsidades, resolvi, cartograficamente, pesquisar para comprovar minhas preocupações sobre o currículo desta fruta.

Pesquisei no senso comum: www.google.com

Em cada site, uma posição a este respeito, mas gostei destes dois.

Um deles adora essa cereja fake porque é chuchu:

“A gente já te contou os benefícios do chuchu para a saúde e também já te mostrou algumas receitas com esse ingrediente, como chuchu gratinado. Mas você sabia que algumas cerejas em calda são feitas com esse legume? Sério! Aquelas cerejas em calda, também conhecidas como cerejas marrasquino, podem ser feitas de chuchu!” [https://blog.tudogostoso.com.br/noticias/confira-cereja-em-calda-e-feita-de-chuchu/].

O outro tira um sarro:

“Você provavelmente já brigou para roubar chuchu da cobertura do bolo. Embora a maioria dos vidrinhos de cereja ao marasquino tenha a fruta de verdade, muitas padarias e confeitarias recorrem à réplica bastarda para driblar a sazonalidade e o preço da legítima. “ [Leia mais em: https://super.abril.com.br/saude/cereja-emcalda-e-feita-de-chuchu/].

Mas ambos concordam que o chuchu pode se transformar em cereja porque “não tem personalidade: o sabor que você der ele aceita” e o outro reafirma que “o chuchu é conhecido por ter um sabor neutro e, por isso, pode adquirir o sabor que lhe for conferido.”

E um deles mostra uma receita para fazer isto em casa. Copiei a imagem da receita das chuchurejas porque você não iria acreditar que estava escrito assim mesmo, diria que era adaptação minha!

Você que é mais chegado ao nosso amado sapo barbudo, posso pedir um favor? Diga a ele que faça como a minha filha: quando ela se deu conta de que aquela coisa vermelhinha e docinha era na verdade chuchu, ela passou a exigir “cereja com cabinho”.

Geraldo tem cabinho?

(*) Glória Cunha é militante do PT Campinas

Deixe um comentário